TAP Portugal  
 
 
 
 
  • bg03.jpg

06 de abril 2016

TAP é a primeira companhia aérea a operar o novo Airbus A330neo com cabine Airspace

A transportadora nacional assinou um acordo com a Airbus, através do qual se torna na primeira operadora do novo avião A330neo equipado com a nova versão de cabine Airspace da Airbus.

Com vista a renovar a sua frota, a TAP fez em 2015 uma grande encomenda de aviões à Airbus, incluindo 14 aeronaves A330-900neo. Assim, os passageiros da companhia vão poder usufruir, pela primeira vez, de uma nova experiência de viagem a bordo dos novos A330neo com o conceito Airspace da Airbus, já a partir do final de 2017.

Na nova cabine Airspace da TAP destacam-se, entre outras novidades, a introdução de um novo espaço de acolhimento, um sistema de iluminação LED de última geração com uma infinita variação de cores, compartimentos de bagagem maiores, modernas casas de banho e sistemas de entretenimento a bordo IFE e conetividade da mais recente geração. 

A relação entre a Airbus e Portugal é já longa, datando do ano de 1987, altura em que a TAP  encomendou três aeronaves Airbus do modelo A310. Atualmente, a TAP opera uma frota de 61 aviões de fabrico exclusivo Airbus – 43 aeronaves da família A320 e 18 wide-bodies - e é a maior cliente do construtor europeu em Portugal. A partir de junho próximo, a TAP vai integrar na sua frota mais dois novos A330 para reforçar e expandir a sua operação no longo curso. A companhia encomendou também à Airbus aviões da última geração das famílias A320neo e A330neo.

Os aviões A330-800neo e A330-900neo são os dois novos membros da família wide-body da Airbus lançados em julho de 2014, cujas primeiras entregas estão previstas começar no final de 2017. Além deste novo interior de cabine Airspace, o A330neo incorpora também a ultima geração de reatores Rolls-Royce Trent 7000 e melhorias ao nível da aerodinâmica. Com características económicas imbatíveis, versatilidade e elevada fiabilidade, o A330neo proporciona reduções de combustível da ordem dos 14% por cadeira de avião, tornando-o no avião wide-body mais eficiente.


 

22 de fevereiro 2016

TAP lança voos diretos diários de Lisboa para Nova Iorque (Aeroporto JFK) e Boston (Aeroporto de Logan) com novos aviões A330

A TAP Portugal anunciou hoje novos voos diretos diários para Lisboa a partir de Nova Iorque (Aeroporto Internacional John F. Kennedy)* e também de Boston (Aeroporto Internacional de Logan)*. Com tarifas de lançamento a partir de 799 euros, taxas incluídas, para viagens de ida e volta, em ambas as rotas, encontrando-se os voos abertos à venda a partir de hoje.  

O novo serviço diário para Boston tem início a 11 de junho e o de Nova Iorque - JFK será inaugurado a 1 de julho. Ambas as linhas serão operadas com os novos aviões Airbus A330 que serão entregues à companhia aérea portuguesa em junho. Além destes dois novos destinos, a TAP serve também Miami e Newark, cidades para as quais a companhia aumenta a sua oferta para voos diários no verão deste ano, e oferece também voos diretos bissemanais entre o Porto e Newark. No conjunto, a TAP aumenta a sua oferta para 30 voos semanais entre Portugal e os EUA.  

No caso de Nova Iorque - JFK, os voos partem de Lisboa às 17h00 e chegam ao Aeroporto JFK às 20h00, e no regresso saem de Nova Iorque pelas 23h30 com chegada a Lisboa pelas 11h30 (dia seguinte). Para Boston, os voos têm partida de Lisboa às 14h25 e chegada àquela cidade às 17h00, partindo no sentido inverso de Boston às 19h45 e chegando a Lisboa às 07h20 (dia seguinte).   

A companhia pretende lançar campanhas promocionais e outras iniciativas para divulgar Portugal do outro lado do Atlântico e proporcionar aos visitantes americanos um programa de incentivos, encorajando-os a escolherem Lisboa como escala preferencial nos seus voos de e para a Europa. 


21 de janeiro 2016

TAP recebe 2 novos A330 para acelerar expansão na América do Norte

A TAP vai integrar na sua frota de Longo Curso dois novos aviões A330-200 até junho de forma a acelerar os seus planos de forte expansão para os Estados Unidos da América, onde vai promover Portugal como destino turístico de excelência e Lisboa como porta de entrada privilegiada dos norte-americanos no continente Europeu. 

Para esse efeito, a TAP vai lançar campanhas promocionais e iniciativas que promovem o País no mercado dos Estados Unidos, o maior do mundo, e serão dados incentivos para que os viajantes americanos escolham Lisboa como a escala preferencial nos seus voos de e para a Europa. 

A TAP iniciou já os processos para obtenção das necessárias autorizações por parte das autoridades aeronáuticas e aeroportuárias e anunciará brevemente o plano específico de expansão da sua presença nos Estados Unidos da América. 

Segundo dados do US Travel & Tourism office, anualmente 11 milhões de cidadãos norte-americanos visitam a Europa e realizam gastos no estrangeiro de 32,5 mil milhões dólares, excluindo passagens aéreas, pretendendo a TAP captar parte desse volume de receitas para Portugal. 

A aceleração dos planos de expansão nos Estados Unidos está ligada ao arrefecimento económico que se está a verificar em alguns dos principais mercados internacionais da TAP, como o Brasil ou Angola, e à consequente necessidade de diversificar os mercados onde a companhia opera, de forma a reduzir a exposição ao abrandamento sentido nesses países.

Os dois A330-200 adicionais começam a voar ao serviço da TAP a tempo de operarem no período de pico de verão, em regime de leasing operacional, à semelhança do verificado no recentemente anunciado aumento e renovação total da frota regional que vai operar ao serviço da TAP Express. Com esta integração de mais dois aviões, a frota de Longo Curso da TAP passa a contar com um total de 20 aviões. 

A cabina destes A330-200  apresenta 20 cadeiras totalmente “lie flat” da Stelia Solstys em Classe Executiva e novas cadeiras “slimline” Zim EC01 em Económica com uma distância entre si (pitch) de 34’’ em Economy Plus e 31’’ em Economy. Os passageiros vão desfrutar das mais evoluídas soluções áudio e vídeo com o mais recente sistema individual de entretenimento a bordo on demand da Panasonic, EX-3.

Estas aeronaves, totalmente renovadas com novas cadeiras, sistemas de entretenimento, galleys, casas de banho e iluminação, pertencem, em todos os sentidos, à mais recente geração de aviões do mundo nesta classe de produto. Têm capacidade para 271 passageiros, 20 em Classe Executiva, 104 em Economy Plus e 147 em Economy e antecipam a configuração para a qual será convertida toda a atual frota A330-200 da TAP, que tem início no primeiro semestre de 2017.

Este é mais um dos investimentos em curso na nova TAP, que se soma à encomenda de 53 novos aviões Airbus, 60 milhões de euros na modernização dos interiores da atual frota, 11 milhões na introdução de dispositivos sharklet em 12 aviões da família A320 e aumento e renovação total da frota regional TAP Express, avaliada em 400 milhões de euros.

14 de janeiro 2016 

Estimado(a) Cliente,

A nova TAP é uma realidade.

Anunciamos-lhe hoje um conjunto de novidades muito importante para a empresa e todos os seus Clientes, de entre as quais destaco a concretização da renovação da frota da PGA, um objetivo que vinha sendo adiado há alguns anos devido às limitações de investimento.

Até Julho, vamos receber oito novos aviões ATR72 e nove Embraer 190, que nos vão permitir aumentar os níveis de conforto e eficiência da nossa frota. Com esta nova frota teremos ainda um crescimento de 47% dos lugares oferecidos e uma poupança significativa dos consumos combustível, com a consequente vantagem para o meio ambiente.

Mas este forte investimento não chega sozinho.

Não só renovamos a frota regional, como damos maior consistência à marca e produto TAP, reforçando a identidade comercial e procedendo ao redesenho da nossa oferta e do nosso serviço. Criamos a marca TAP Express, ao serviço da qual a nova frota vai voar, que substitui a designação Portugália PGA Airlines.

Anunciamos ainda a criação da “Ponte Aérea”, que vai unir o Porto a Lisboa com voos a toda a hora, num total de 16 ligações diárias em ambos os sentidos, que permitem um melhor serviço nas ligações ponto-a-ponto e muito melhores condições na ligação otimizada à operação do hub de Lisboa com fácil acesso a toda a rede de destinos da TAP.

A “Ponte Aérea” vai oferecer preços muito competitivos nas viagens entre o Porto e Lisboa e um produto inovador, com check-in e portas de embarque dedicada e embarque rápido e simples.
 
Veja o nosso video aqui.

A partir de 27 de março, aumentamos o número de voos semanais para destinos para os quais  já voamos na Europa, Brasil, Estados Unidos e África, reforçando a consistência do nosso produto.

Estou seguro de que a TAP vive dias históricos, agora que dispõe da capacidade de investimento que nos permite desenvolver uma Companhia cada vez mais moderna e competitiva, atenta às necessidades dos seus Clientes e fortemente comprometida em servir os mercados onde opera.

Os investimentos já em curso, que incluem a encomenda de 53 novos aviões, 60 milhões de euros na modernização dos interiores da atual frota, 11 milhões na introdução de dispositivos sharklet em 12 aviões da família A320, 2 milhões numa nova plataforma digital de reservas e agora o aumento e renovação total da frota PGA, permitem-nos encarar o futuro com toda a confiança de que a TAP Portugal vai ser cada vez mais forte e capaz de prestar um serviço ainda melhor, com os valores de sempre.

Agradeço a sua preferência pela TAP, na convicção de que estaremos em condições cada vez melhores para superar as suas necessidade e exigências e para o surpreender pela positiva.

Bem-vindo(a) a bordo da nova TAP.

Fernando Pinto 
Presidente Executivo